EXPEDICAO GRUPIARA-MG
E
PRIMEIRO BODE CAPITAL-DF

26-07 A 31-07-2011

Mais uma vez, , me preparando para outra grande viagem. Digo grande pois serao mais de mil kilometros rodados em cima da motocicleta.
Expedicao Grupiara, foi o nome mais acertado que eu encontrei.
O convite para ir a Grupiara, foi feito pelo Pedrao de Santos, dono da chacara, e pelo Jefe da Gang Motorcycle, Zanetao, mais conhecido como ZAZA, EL JEFE.
Desta vez eu estaria estreando os novos alforges laterais que ganhei de presente do amigo Wilson Gotardo.
Todos ja me conhecem, meu nome eh Luis Augusto, mais conhecido como LULUZAO e tenho uma motocicleta da marca Harley Davidson, modelo Sportster XL883R, ano 2010.
No dia 25 de julho, as 13:hs sai de casa, com destino a Taguatinga, no Distrito Federal, onde pernoitaria no apartamento de minha filha, Aline.

       
Fotos saindo de casa, abastecendo em Padre Bernardo, e a divisa de Goias com Distrito Federal.

No dia seguinte, saindo bem cedo, la pelas 7:30hs da manha, segui em direcao a Cristalina-GO, pegando um engarrafamento terrivel ateh sair na rodovia.
No posto da Policia Rodoviar fui parado, mas o policial, nem olhou a documentacao, ficou admirando a beleza da Harlona, me liberando em seguida.
Chegando no posto de gasolina em Cristalina, liguei para a Ana Maria dizendo que estava tudo bem, e tranquilo. Guardei o celular no bolso e fui tomar um lanche, logo depois abasteci a moto e segui em direcao a Campo Alegre de Goias, onde ja tinha combinado um encontro com o mano Bode do Asfalto Edilson.Mantendo uma velocidade de cruzeiro em torno de 120/130km/h logo cheguei na empresa onde o mano Edilson trabalha. Procurei a minha maquina fotografica/celular no bolso da jaqueta e descobri que a mesma tinha caido na viagem, o bolso estava aberto.
Batemos um papo rapidinho, um cafezinho, a promessa de logo se reencontrar no Bode Capital em Brasilia, e la estava eu na estrada mais uma vez.
Cheguei em Catalao-Goias, ao meio dia aproximadamente, outra ligacao pra Ana Maria, usando o outro celular, mais um lanche e uma ligacao ao Pedro la em Grupiara avisando da minha aproximacao. O mesmo me pediu pra ligar assim que chegasse em Santa Rita da Estrela. Rodei 191 km de Cristalina até Catalao, o aviso de reserva da gasolina acendeu 30km antes de Catalao. Abastecei no Posto JK.
Rodei mais ou menos 50km sentido Araguari, ateh chegar no trevo para Monte Carmelo, parando no trevo de Santa Rita da Estrela, liguei para o Pedrao, onde ele me passou as coordenadas de como chegar ateh Grupiara. Rodovias em boas condicoes até este momento.

 
Trevo de Santa Rita da Estrela.
Dizem que desta cidade saiu um dos maiores diamantes do mundo.

Cruzei a cidadezinha indo em direcao a tao famosa Grupiara. Pouco antes de chegar na cidade, la estava o Pedrao e o Farina , mano véio de Patos de Minas. Em uma fazenda na beira da estrada, que era de um parente do Pedrao. Dali seguimos pra casa do Pedro, antes passando pelo centro de Grupiara, cidade com 1.300 habitantes, gente simpatica, e alegre. A chacara do Pedro, fica colada na periferia da cidade, nao mais do que 200 metros. Tem um pastinho antes de chegar na casa, e um córrego pra passar, as motos ficarao no pastinho.

     

Como eu fui o segundo a chegar, tive o privilégio de pegar uma cama do meu agrado, em um quarto grande, com 2 camas de soteiro e 1 de casal, a minha ficava encostada na parede. Tomei banho troquei de roupa, colocando uma bermuda camiseta e tenis. Pronto pra festa. Naquela tarde mesmo mataram uma leitoa. O lugar era muito agradavel, tranquilo. No alto de um morro, bem em frente a casa tinha uma capela, ou igrejinha, construida pelo pai do Pedro, pagamento de uma promessa, segundo me disse o Barrosinho, o caseiro.


Segue uma sequencia de fotos.

  Para ver mais fotos clique aqui e entre no album do picasaweb

          

No dia 29 de Julho de 2011, as 10 horas da manha, saimos de Grupiara, eu e mais 2 Gangueiros, indo juntos até o trevo da BR050, como ja tinhamos nos despedido no posto de gasolina, eu nem parei, dei seta a direita, virei a proa da Harlona para o norte e segui direto pra Catalao.
No mesmo posto de gasolina JK, abasteci, liguei para a Ana Maria avisando onde eu estava, fiz um lanche rapido e continuei a viagem. Ali tinha mais uns motociclistas com 3 motos BMW vindo de Brasilia, do Moto Capital. Passei por Campo Alegre de Goias perto das 13 horas, o mano Edilson deveria estar no horario de almoço, pra não incomodar, segui direto sem parar.
Foram mais 190 km sem abastecer, até chegar em Cristalina.Cheguei em Taguatinga no DF la pelas 16 horas, indo direto para o apto. da minha filha. A Ana Maria e Aline me aguardavam. Como eu estava muito cansado, não sai de casa mais naquele dia.E assim termina a Expedição Grupiara.


COMEÇA AQUI O 1º BODE CAPITAL

No dia seguinte, sabado, as 16 horas eu e Ana Maria fomos de carro até a granja do Torto, para o encontro com os Irmaos, onde estava sendo realizado o 1 Bode Capital. Não tem como descrever a alegria de reencontrar meus queridos Irmãos Mociclistas.Não serei doido em citar um nome sequer, pois com certeza todos ficarão sentidos. La no evento eu entreguei ao mano Cascorel a fivela que trouxe da Grupiara. Mais tarde dei uma volta pelo parque, com a Ana Maria, observando as barracas que estavam vendendo de tudo para motocicletas. Paramos na frente do palco de show, onde uma pessoa estava tocando um som do Pink Floyd...era um cover legitimo, tocou maravilhosamente bem. Voltamos ao galpão dos Bodes, para jantar, mas logo em seguida a Aline ligou pedindo pra voltarmos para casa, pois tinha acabado a luz no bairro todo, e ela e a avó estavam apavoaradas. Saimos pela tangente, sem despedir de ninguem. Fica aqui registrado o meu fraternal agradecimento a todos da faccção de Brasilia. Foi bom demais.Parabens pela organização, coisa digna de um EBAN.

  Clique aqui para ver as fotos.

No domingo a tarde meu filho foi de carro buscar a Ana Maria e a mãe dela, voltando para Niquelandia as 14 horas. Eu fiquei pra voltar no dia seguinte, aproveitando e ficando mais um pouco com a filhotona. Na 2ª feira as 7 da manha, ela foi para o trabalho e eu virei a proa da Harlona para o norte, e vim pra casa, viajando bem devagar, onde encontrei muitos motociclistas tambem voltando pra casa, depois do Moto capital. Cheguei em casa as 10:30 horas da manha. Como ja tinha enviado os alforges pelo carro, foi só tirar a mochila do banco e desfazer.

  
Kilometragem rodada na viagem toda.

     
Harley, na garagem, aguardando a hora de viajar.

 
MAPA DA VIAGEM.

Mais uma vez meus agradecimentos: Ao Grande Arquiteto do Universo, por me proporcionar essa viagem, sem nenhum problema ou incidente.
A Ana Maria, por mais uma vez me deixar viajar sozinho. Fique aqui registrado, que em todos os momentos da viagem , naum deixei de pensar em voce um minuto. As pedaleiras do garupa estavam sempre abaixada, pois em meu pensamento voce estava na minha garupa. Te amo!
Aos meus queridos Irmaos e cunhadas, grandes companheiros de viagem, sempre alegres e bem dispostos. A todos os Irmaos e amigos, que encontrei nesses dias de pura alegria, festa e confraternizacao.

MUITO OBRIGADO!!!! ESPERO VOCEIS AQUI EM GOIAS.


Clique aqui, deixe o seu comentario e assine meu livro de visitas. OBRIGADO!.